Ribeirão recebe Nublu Jazz Festival pela terceira vez

Nublu Jazz Festival 2014A terceira edição do Nublu Jazz Festival começa nesta quarta-feira (26/03) em Ribeirão Preto, e segue até a sexta-feira (28). O evento, que é realizado paralelamente em São Paulo, traz grandes nomes internacionais do gênero para a “capital do agronegócio”. De quarta a sexta, o Sesc Ribeirão Preto será palco de encontros inéditos entre músicos brasileiros, estadunidenses e europeus.

Tamanha importância fez com os ingressos praticamente se esgotassem. Restam poucos e a dica é correr para garantir a chance de assistir os shows, nos três dias de evento. Os ingressos estão sendo vendidos na bilheteria do Sesc e pela internet.

O festival foi fundado em novembro de 2009, no pub Nublu (em Nova York), em uma maratona musical de duas semanas, com mais de 60 shows. No ano seguinte, o festival passou por Istambul e, no final de 2010, chegou a São Paulo.

Em Ribeirão Preto, os shows acontecerão no Galpão de Eventos do Sesc, sempre às 19h30, com dois shows por noite. Os ingressos para cada noite custam R$ 30 (inteira); R$ 15 (estudantes e usuários matriculados) e R$ 6 (comerciários). Não recomendado para menores de 16 anos. O Sesc fica na rua Tibiriçá, 50 (Centro). Mais informações pelo telefone: 3977-4477.

Confira a programação:

  • 26/03 (quarta-feira), às 19h30

Karriem Riggins & Dj Nuts
O baterista americano Karriem Riggins está na cena do jazz desde seus 16 anos e também é muito bem sucedido no mundo da produção musical, onde colaborou com vários artistas do hip hop, incluindo hip hop instrumental. O brasileiro dj Nuts participa da apresentação.

Karriem Riggins

Bugge ‘N Friends & Guizado
Considerado o artista de jazz mais inovador na Europa no momento, o norueguês Bugge Wesseltoft já tocou com músicos como Terje Rypdal e Jan Garbarek. Pianista, compositor e produtor, Bugge se apresenta no Brasil acompanhado do fundador e co-curador do festival, Ilhan Ersahin (saxofone), além de Erik Truffaz (trompete), Joe Clausell (pick ups e beats), Marius Reksjo (baixo), Andreas Bye (bateria) e Erik Holm (percussão). O trompetista paulistano Guizado é o convidado da noite, dando um toque único e brasileiro ao som de Bugge Wesselfoft.

Bugge Wesseltoft

  • 27/03 (quinta-feira), às 19h30

Kassin & Alberto Quinteto
Alexandre Kassin (multi-instrumentista e produtor) e Alberto Continentino (baixista) são duas talentosas atrações cariocas que carregam uma sonoridade tipicamente brasileira unida a harmonias contemporâneas. Composições próprias e improvisos formam o repertório da noite. Os dois serão acompanhados por Guillherme Monteiro (guitarra), Stephane San Juan (bateria) e Danilo Andrade (teclado).

Nerve & Jojo Mayer (partipação do MC Xis)
O suíço Jojo Mayer é considerado por muitos especialistas como o mágico da bateria. Sua banda, Nerve, mistura dj’s de drum ‘n’ bass ao seu estilo, provocando uma síntese surpreendente entre jazz e música eletrônica. O toque do hip hop fica por conta do MC brasileiro Xis, que faz uma participação especial no show.

Nerve

  • 28/03 (sexta-feira), às 19h30

Jason Moran and the BandwagonJason Moran & The Bandwagon
Jason Moran é um dos pianistas mais quentes do momento. Ele teve grande sucesso com os últimos lançamentos mundiais pela Blue Note. Não só um exímio pianista, Moran também é grande compositor e líder da banda The Bandwagon, com quem divide o palco.

The John Scofield Überjam Band
John Scofield dispensa apresentações como um dos maiores guitarristas de jazz do mundo, carregando nas costas o eterno título de aluno de Miles Davis. O projeto dele, Überjam, destaca o groove e a paixão pela pegada da música negra.

The john Scofield Uberjam Band

Programação: curta o Carnaval em Ribeirão

O Varal Diverso preparou uma seleção de eventos para quem gosta de carnaval e também para os que querem fugir dele. Mesmo sem grandes eventos carnavalescos, Ribeirão Preto terá matinês, bloco e shows com artistas da cidade.

Eliana Pittman Sesc Carnaval 2014Sexta-feira (28/02)
Sesc Ribeirão Preto preparou um baile exclusivo para o pessoal da terceira idade, para relembrar os velhos tempos com inesquecíveis marchinhas. O baile de Carnaval contará com animação da cantora Eliana Pittman. O baile começa às 17h, no Galpão de Eventos, e é gratuito. O Sesc fica na rua Tibiriçá, 50 (Centro). Mais informações pelo telefone: 3977-4477.

A folia continua com a apresentação do grupo Tamanco Malandro, no Open Mall do Shopping Iguatemi. O show faz parte do projeto Sound Open Air, e contará com repertório dedicado ao Carnaval. A partir das 19h, com entrada gratuita. O Shopping Iguatemi fica na av. Luiz Eduardo de Toledo Prado, 900 (Vila do Golfe).

Salz Carnaval Samba MisturaNo Salz, o grupo Samba Mistura comanda a folia durante todo o Carnaval. A entrada custa R$ 20 e as mesas podem ser reservadas pelo telefone (16) 3442-9242. O Salz Bar fica na rotatória da avenida Itatiaia, 1.415 (Jardim Sumaré), e o bar abre às 18h.

Também no mesmo período, de 28/02 a 04/03, a Casa do Dedé festeja o Carnaval dos carnavais, com música ao vivo todos os dias, além da participação da Batezão, a bateria da USP, sempre às 22h. A mesa é comercializada (em vários valores) pelos telefones: (16) 99354-4149 / 99609-8160 / 99331-3568 / 99150-3465 / 3621.9430. A Casa do Dedé fica na rua Maestro Villa Lobos, 314, no Jardim São Luiz.

Sábado (01/03)
No sábado (1º), o Sesc realiza uma matinê com a banda Dr. Ostrócio, embalada com muito confete e serpentina e com direito a fantasia e muito samba, às 16h, no Galpão, entradas a R$ 4.

Bloco da Vila 2014Mais tarde, o Bloco da Vila sai pelo segundo ano seguido nas ruas da Vila Tibério. Com o tema “A Vila não quer abafar ninguém, só quer mostrar que ‘traz’ samba também”, a folia está marcada para começar às 16h (concentração), na praça José Mortari (cruzamento das ruas Martinico Prado com Rodrigues Alves). Depois o bloco segue pelas ruas com um trio elétrico, voltando novamente para a praça, fechando a festa com bateria e passistas de escolas de samba da cidade. E, para quem puder, bloco está vendendo camisetas por R$ 20, para ajudar nas despesas. Mais informações na página do evento, no Facebook.

Domingo (02/03)
No domingo, quem esquenta os tambores é o Maracatu Chapéu de Sol, também na Vila Tibério. O encontro está marcado para às 18h, no cruzamento das ruas Santos Dumont com Rodrigues Alves.

Segunda-feira (03/03)
Na segunda-feira, a partir das 22h30, a Fábrica de Extintores reúne músicos e cantores da cidade, entre eles Alessandra Ramos, Fabiana Sberni, Mariana Sampaio, Bella de Castilho, Fabrício de Jesus, João Roberto, Jorge Nascimento, Alexandre Peres, Ricardo Peres e convidados. A entrada custa R$ 10 até às 0h e, após esse horário, sobe para R$ 15. A Fábrica de Exintores fica na rua Flávio Uchôa 2.151, nos Campos Elíseos. (Atenção: se chover, o evento será cancelado!)

Carnaval para os pequenos
O Novo Shopping realiza a 13ª edição do Carna Shopping, na Praça de Eventos. As matinês acontecem de 1 a 4 de março, das 16h às 19h, para crianças de até 12 anos. Os pequenos foliões ganham pintura facial e os cem primeiros participantes de cada dia recebem kits de Carnaval com confetes, serpentinas e máscaras. Monitores fazem o acompanhamento durante a folia, que será embalada por DJs tocando marchinhas, músicas infantis e hits do momento. O Novo Shopping fica na av. Presidente Kennedy, 1.500, na Ribeirânea.

Carna Novo Shopping 2014

João Rock lança line-up de 2014

A organização do João Rock lançou na manhã desta quinta-feira (20) a programação oficial da 13ª edição do evento, que acontece em Ribeirão Preto no dia 31 de maio, no Parque Permanente de Exposições. Estão sendo esperadas 12 grandes atrações: Nando Reis, Jorge Ben Jor, Zé Ramalho, Os Paralamas do Sucesso, CPM 22, Nação Zumbi e O Rappa se revezam em dois palcos, sem intervalos. No Palco Universitário, se apresentam paralelamente Raimundos, Vanguart, Ponto de EquilíbrioNem Liminha Ouviu e Vespas Mandarinas.

(Foto: Divulgação)

Jorge Ben Jor se apresentará no João Rock pela terceira vez (Foto: Divulgação)

Conversamos com Luit Marques, organizador do evento, e ele afirmou que melhorias estão sendo feitas na estrutura para melhorar a acomodação de um público estimado em 30 mil pessoas: aumento e recuo dos camarotes em 20 metros e ampliação da praça de alimentação com capacidade para atender mais gente com mais comodidade. Empresas, lanchonetes e restaurantes tradicionais de Ribeirão Preto deverão ser contratados pela organização do festival para possíveis parcerias.

Questionado sobre a repetição de atrações como O Rappa e CPM 22, que vêm ao festival pela 8ª e 6ª vez, respectivamente (confira o infográfico a seguir), a organização é enfática. “Entendemos e respeitamos as críticas em relação à programação. Mas o João Rock tem a sua coluna principal no rock nacional; então, somos o reflexo do que está em evidência. Temos uma linha de programação à qual somos muito fiéis e queremos seguir esse DNA. Ele vai se repetir em seu formato e isso, em vez de ser um problema, é uma questão de orgulho para nós”, afirma Luit.

(Infográfico: Varal Diverso)

As bandas O Rappa e CPM 22 são as recordistas de partipações no João Rock (Infográfico: Varal Diverso)

Estão confirmados também espaços para a apresentação e prática de esportes como bungee jumping, skate, motocross e outros. Pela terceira vez consecutiva, o festival será transmitido ao vivo pelo canal e site do Multishow.

JoaoRock_04

(Foto: Paulo Gallo/Varal Diverso)

Em 2013, o João Rock teve 100% dos ingressos vendidos e metade do público veio de fora da cidade. “As repúblicas se tornam as acomodações oficiais desse pessoal. É uma grande festa de amizade e convivência e o João Rock já entrou para o calendário dos jovens brasileiros”, disse Luit.

Preços
Os convites, que no ano passado se esgotaram a três dias do evento, já estão à venda pelo site www.joaorock.com.brAs opções são:

  • Pista: R$ 50 (meia) / R$ 100 (inteira)
  • Pista Solidária: R$ 60 (+ 1 kg de alimento)
  • Pista Premium (espaço reservado mais próximo aos palcos principais): R$ 160
  • Camarote João Rock: R$ 130
  • Camarote Open Bar: R$ 280

Texto: Francine Micheli
Edição: Paulo Gallo

Saída dos blocos – Carnaval 2014

Sem os desfiles das escolas de samba na avenida Mogiana, após o anúncio do corte de R$ 1,2 mi por parte da Prefeitura, a programação do Carnaval 2014 em Ribeirão Preto ficará por conta do som das marchinhas dos blocos de rua. Prepare a fantasia, deixe o isopor com as geladas no jeito e não perca a folia!

Bloco Berro
BerroRegado a muito chope Colorado, o Bloco Berro — o mais antigo da cidade — sai do Cineclube Cauim (rua São Sebastião, 920), no sábado, dia 22/02, às 16h, homenageando a empresária Neiva Faccioli. O bloco segue em cortejo até o Templo da Cidadania (rua Conde Afonso Celso, 333), onde será servido uma canja para reabastecer as energias dos foliões. A participação é gratuita mas o bloco também oferece um kit especial para quem adquirir o abadá do Berro, que dá acesso à bebidas (chope Colorado, refrigerante, suco e água) durante o percurso. Os abadás estão à venda no Cauim, e custam R$ 60 (feminino) e R$ 80 (masculino), até 20/02. Depois o preço sobe para R$ 80 (feminino) e R$ 100 (masculino). Presenças confirmadas de Paulo César Pereio e Débora Duboc. Mais informações pelos telefones 3441-4341 ou 3443-1544.

Vila Folia RP
Depois de estrear o primeiro bloco em 2013, a Vila Tibério ganha mais um bloco para 2014: o Vila Folia RP, que sai pelas ruas do bairro no dia 22/02. O grupo Batucada Fina irá comandar a animação do bloco, que sairá às 17h, em frente ao Colégio Liceu Contemporâneo, na rua Paraíso, 369. Os foliões irão virar na rua Álvares de Azevedo seguindo pela Rodrigues Alves e depois pela Martinico Prado, chegando no cruzamento das ruas Epitácio Pessoa e Santos Dumont, onde acontecerá o encerramento.

Bloco da Vila 2013

Para ajudar com os custos da saída do bloco, o Vila Folia também está vendendo camisetas por R$ 25. Mais informações no Facebook.

Os Alegrões

Bloco Alegrões RP 2012

Depois de anos saindo pelas ruas do Jardim Irajá e pelo Centro de Ribeirão Preto, o bloco Os Alegrões pede a ajuda dos seus foliões. Sem nenhum apoio em 2014, o bloco lançou a campanha “Eu quero botar Os Alegrões na rua”Para colocar o bloco na rua, Os Alegrões abriram campanha pela internet para arrecadar R$ 7 mil com a colaboração do público, com o objetivo de bancar a estrutura de som, músicos, entre outros gastos. É possível doar quantias de R$ 10, R$ 20 e R$ 50 (assista o vídeo a seguir e entenda). Esse ano, o bloco Os Alegrões sairá apenas no domingo, dia 23/02, no Jardim Irajá, a partir das 15h, na praça Augusto Mazza (cruzamento das ruas Thomaz Nogueira Gaia com a rua Chile). E como já é tradição, após a saída do bloco, a festa seguirá com o Maracatu Chapéu de Sol. A campanha seguirá até o dia 15/03, não deixe de ajudar!

Bloco da VilaBloco da Vila
Mais próximo da folia, o Bloco da Vila sai pelo segundo ano seguido na Vila Tibério. O bloco tem saída marcada para o dia 1° de março, às 15h (concentração), na praça José Mortari (cruzamento das ruas Martinico Prado com Rodrigues Alves). Mais informações na página do evento, no Facebook.

Maracatu Chapéu de Sol
E a festa segue no Jardim Irajá! Além dos dois blocos, o bairro recebe o cortejo do Maracatu Chapéu de Sol, no domingo, 02/03. A concentração está marcada para às 18h, em frente ao Colégio Liceu Contemporâneo, na rua Paraíso, 369.

Maracatu Chapéu de Sol

Teatro de Arena reabre em Ribeirão; conheça as curiosidades

Teatro de Arena 2

Depois de 1 ano e 8 meses fechado para reforma, o Teatro de Arena “Jayme Zeiger” volta a ativa e reabrirá para o público nos próximos dias 1º e 2 de fevereiro. A programação da reinauguração contempla vários artistas locais, como Play Vinil, Os Filhos de Noel, Malditos Insetos e Blues inSônia, no sábado (01/02), a partir das 16h. No domingo, quem sobe ao palco são as bandas Plunk, Sibéria, Necrofobia, Renegados e Abiosi, a partir das 15h. Para ter acesso ao evento é preciso levar 1 kg de alimento não perecível, que será doado ao Fundo Social de Solidariedade de Ribeirão Preto. O Teatro de Arena fica na praça Alto do São Bento, s/n, no Jardim Mosteiro.

Repaginado, um dos teatros mais bonitos de Ribeirão Preto recebeu novos banheiros, bilheterias, novo bar com área coberta, elevadores para transporte de equipamentos e acesso para Portadores de Necessidades Especiais (PNE). Os camarins — uma das principais queixas de artistas e produtores — também foram reestruturados. Para o desespero dos arquitetos de plantão, o fosso foi aterrado! O vão que ficava no centro do teatro não existe mais, embora ele não recebesse uma gota d’água há anos.

História
Palco de espetáculos memoráveis, o Teatro de Arena “Jayme Zeiger” recebeu o nome do engenheiro que o projetou e construiu. Zeiger foi buscar referências na Europa e Oriente Médio para projetar um dos mais belos espaços da cidade. Nascido na Polônia, Jaime Zeiger chegou a Ribeirão Preto na década de 1950 e atuava na cidade como arquiteto, engenheiro civil, jornalista e professor, e foi responsável por colaborar para inúmeras manifestações culturais da cidade. Foi ele quem assinou o projeto arquitetônico de outras obras importantes como a antiga rodoviária, na avenida Francisco Junqueira (onde hoje funciona o Corpo de Bombeiros), e a segunda construção do Mercado Central de Ribeirão Preto, o “Mercadão” — cuja primeira obra, além de ter sofrido com diversas enchentes, passou por um grande incêndio em 1942 e ficou inutilizado por 16 anos.

O local já recebeu shows de Gilberto Gil, Vinicius de Morais, João Gilberto, Novos Baianos, Cartola, Os Mutantes, entre outros. Depois de anos, o Arena caiu em desuso por conta da preferência dos artistas pelos palcos do Teatro Municipal e do Theatro Pedro II. Um dos últimos grandes eventos que o Arena recebeu foi a Virada Cultural Paulista de 2011, ano em que se apresentaram bandas como Detonautas, Pata de Elefante, RP3, Motormama, Liquidus Ambiento e Beatles 4ever. Confira o nosso registro abaixo:

Um movimento de artistas locais se formou há alguns anos para lutar pela revitalização do espaço. O Movimento Pró-Arena chamou a atenção da sociedade e do poder público e colaborou para que a reforma fosse realizada.

Curiosidades sobre o Teatro de Arena de Ribeirão Preto

  • O Teatro de Arena “Jayme Zeiger” foi a primeira obra do gênero no interior de São Paulo.
  • O local de sua construção foi escolhido por sua topografia, na encosta do morro do São Bento, fator que favoreceu também a acústica do teatro.
  • Passou por reforma em 1987 e a reabertura, no mesmo ano, contou com o show de Jorge Mautner e Nelson Jacobina.
  • O espaço abriga cerca de 2 mil pessoas sentadas.
  • São 15 lances de arquibancadas em formato de ferradura.
  • Concha acústica de cimento com acústica perfeita ao ar livre.
  • Arena com 10 m de diâmetro e palco de 19,70 m.
  • A construção foi feita pelo engenheiro alemão Jaime Zeiger.
  • O Arena foi inaugurado em 19 de junho de 1969.
  • Na época da ditadura, o espaço reunia jovens para discussões políticas.

Texto: Analídia Ferri
Fotos: Paulo Gallo